Há sensivelmente um ano atrás (5 de julho de 2011), o Códex Calixtinus original (um livro do Séc. XII que consiste no mais antigo guia para peregrinos que faziam o Caminho de Santiago), foi roubado da Catedral de Santiago de Compostela. Tratando-se de um objeto de elevado valor histórico e patrimonial, foi uma grande perda para o Caminho.

Hoje surge uma boa notícia sobre este assunto: o Códex Calixtinus foi encontrado num saco de lixo na propriedade da família do principal suspeito (Manuel Fernández Castiñeiras, eletricista). Foi um dos seus familiares que acabou por revelar a localização do livro.

Durante a detenção foram também confiscadas outras obras religiosas provenientes da Catedral de Santiago.

Manuel Castiñeiras foi trabalhador por conta própria na Catedral de Santiago durante 25 anos e foi dispensado quando se descobriu que teria falsificado um documento que lhe conferia o estatuto de trabalhador contratado pela Catedral.

in http://www.elcorreogallego.es/santiago/ecg/localizado-codice-un-garaje-milladoiro/idEdicion-2012-07-04/idNoticia-754747/

Deixe um Comentário